Compartilhar é amor!

I think you will spend 219 seconds reading this post

Segundou e você tá com seu café na mão?Prepare-se para sua pausa aqui com a gente!

#10 A morte da verdade, Michiko Kakutani (Intrínseca, 272 páginas, tradução de André Czarnobai e Marcela Duarte): há anos se fala do fenômeno da eleição de Trump, das técnicas de manipulação da verdade emprestadas de Putin que permearam sua candidatura e invadiram terras tupiniquins com a campanha de Bolsonaro. Nesse livro, a fantástica Michiko Kakutani, crítica literária do The New York Times por quase quatro décadas e vencedora do Prêmio Pulitzer, investiga como o cenário mundial propiciou a multiplicação das fake news e a inauguração da pós-verdade.

#9 Flores para Algernon, Daniel Keyes (Aleph, 288 páginas, tradução de Luisa Geisler): um marco da ficção científica que resgata questões inauguradas em O mito da caverna, de Platão. Keyes conta a história sob a ótica humana carregada de sentimentos, que envelopam as questões filosóficas de formas capazes de partir o coração do leitor. Até Chandler, de Friends, ama.

#8 De espaços abandonados, Luisa Geisler (Companhia das Letras, 416 páginas): um experimento ousado, angustiante e bem humorado ao mesmo tempo, sobre imigração, Dublin, família, escrita, relacionamentos, solidão. Sem nenhuma dúvida uma das vozes mais fortes da literatura brasileira atualmente.

#7 O que acontece quando um homem cai do céu, Lesley Nneka Arimah (Editora Kapulana, 167 páginas, tradução de Carolina Kuhn Facchin): coletânea de contos que são impressionantes do tema à capacidade literária. De histórias cruelmente reais (“Acidental”, “Descontrolada”) a metáforas muitíssimo bem feitas (“Quem vai te receber em casa”, publicado originalmente na New Yorker), o livro promete mais uma grande escritora contemporânea.

#6 A guerra, Bruno Paes Manso e Camila Nunes Dias (Todavia Livros, 344 páginas): um retrato competente sobre o PCC, elogiado por Drauzio Varella e Misha Glenny, consagrados autores sobre o mundo do crime brasileiro. 

#5 Praia de Manhattan, Jennifer Egan (Intrínseca, 448 páginas, tradução de Sergio Flaksman): o mais recente romance de umas das melhores escritoras contemporâneas é também seu primeiro histórico, voltando a uma New York dos anos 40 em plena Segunda Guerra Mundial, com mergulhadores profissionais, gangsters, relações familiares, mistérios e personagens, como era de se esperar, muito bem trabalhados.

#4 Com armas sonolentas, Carola Saavedra (Companhia das Letras, 269 páginas): minha primeira experiência com essa escritora que me tirou o fôlego. Um livraço sobre família, maternidade, gerações de mulheres ao redor do mundo, pertencimento, enfim – potente, poético, profundo, uma delícia a cada página.

#3 Nix, Nathan Hill (Intrínseca, 672 páginas, tradução de José Francisco Botelho): um livro tão bom que é quase inacreditável o fato de ser um romance de estreia. A relação entre o protagonista e sua mãe, o fim dos políticos anos 60, jogos de computador, relações de aparências, abandono, publicidade, ascensão política, tudo isso é trabalhado de forma magistral nessas centenas de páginas, com poderosas metáforas e imagens sobre as relações humanas.

#2 Tudo que é belo, The Moth (Todavia Livros, 384 páginas, tradução de José Geraldo Couto): uma esplêndida coleção de histórias lindas, tristes, fortes, engraçadas, perturbadoras, e sempre bem contadas. Todas reais. Todas extremamente emocionantes.

#1 Ritmo Louco, Zadie Smith (Companhia das Letras, 528 páginas, tradução de Daniel Galera): largue tudo o que estiver fazendo e pegue agora esse livro para ler. Com a prosa sublime de Zadie Smith, o livro desnuda histórias de amizades, racismo, caridade, superstars da música, viagens pelo mundo, relações entre mãe e filha. É absolutamente maravilhoso – um dos melhores para a vida toda.

Imagens: À esquerda, Lesley Nneka Arimah. À direita, Zadie Smith. Crédito: Emily Baxter e Dominique Nabokov/Reprodução

Deixe seu comentário, isso nos ajuda a saber o que você mais gosta para produzir conteúdo cada vez melhores.

Não se esqueça de nos seguir nas  redes sociais, assim você fica por dentro de tudo que rola no mundo do entretenimento!

FACEBOOK ♦ TWITTER ♦ INSTAGRAM

Nos compre um café: invista aqui.

Compartilhar é amor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *